Como As Corporações Globais Querem Usar As Escolas Para Moldar O Homem Para O Mercado

De: R$49,90 Por: R$44,00 Parcele em 2x SEM JUROS ou em até 12x COM JUROS de 2,99% ao mês

Produto indisponível

Informações do produto

O autor rastreia a influência que as teorias econômicas exerceram na educação desde a década de 1940, especialmente as da Escola de Chicago, o centro de pensamento que desenvolveu a tese de que a educação pode fazer a economia crescer. Alguns economistas e sociólogos passaram a dar atenção às interações familiares quando notaram a necessidade dos pais de ensinarem a seus filhos os atributos “corretos” para o êxito na escola e no mercado de trabalho. Ele explica como se deu, em decorrência disso, a corporativização das escolas e a “economização” do comportamento e das atitudes dos trabalhadores corporativos. “A economização e corporativização das famílias e das escolas não é uma conspiração, mas sim uma convergência de interesses entre empresas globais, políticos, governos e formuladores de políticas educacionais”.

Características

Especificação:

    PESO0.338 Kg
    PRODUTO SOB ENCOMENDANão
    MARCAVide Editorial
    I.S.B.N.9788595070462
    ALTURA23.00 cm
    LARGURA16.00 cm
    PROFUNDIDADE1.40 cm
    NÚMERO DE PÁGINAS244
    IDIOMAPortuguês
    ACABAMENTOBrochura
    CÓD. BARRAS9788595070462
    NÚMERO DA EDIÇÃO1
    ANO DA EDIÇÃO2018

Dimensões da Embalagem (Largura X Altura X Profundidade): 16 x 23 x 1,4 cm

Peso do produto: 0,38 kg